sexta-feira, 18 de abril de 2014

M ateus...

Esta é a semana que só se fala na "paixão". Bem a propósito, reproduzo um texto de Janer Cristaldo:
......................
Por falar em Cristo, entre 176 e 180 d.C. surgiu uma das mais virulentas críticas ao cristianismo, elaborada pelo nobre romano Celso. Já naqueles dias, a nova seita era acusada de criar um Estado dentro do Estado. "Há uma raça nova de homens, nascidos ontem, sem pátria nem tradições, unidos contra todas as instituições religiosas e civis, perseguidos pela justiça, universalmente marcados de infâmia, mas que se vangloriam da execração comum".

Para os romanos de então, era normal que cada nação tivesse seus deuses. Os romanos tinham os seus, os gregos e egípcios também. Os judeus, por sua vez, tinham um só, Jeová. Com o cristianismo surgia algo novo. A nova raça de homens, como diz Celso, tinha também um só deus, mas este não pertencia a nação nenhuma. Não pertencendo a nação nenhuma, se pretendia o deus de todos.

Estas reflexões, Celso as reuniu em O Discurso Verdadeiro, obra que foi entusiasticamente queimada pela nova Igreja. Dela só restou o Contra Celso, de Orígenes, teólogo cristão que pretendeu refutá-lo. Sorte nossa. Conforme prática da época, ao discutir um livro, era costume primeiro citar seus argumentos para depois rebatê-lo. Não fosse este zelo dos teólogos cristãos, nada teríamos do pensamento do pensador romano. A propósito, Orígenes foi aquele santo homem que levou a sério as palavras do Cristo transcritas por Mateus (cortou fora o próprio pênis):

quinta-feira, 17 de abril de 2014

De muros e barreiras...

Já disse alguém que quando se pensa que as coisas estão ruins, aparece um político para piorar

Há comentários que, por ordem do vice, muitos proprietários de casas e lotes no Bairro do Fartura estão sendo notificadas para que sejam construídos muros e calçadas.

A Lei diz que em 99% do município não se pode lotear nem construir; a Prefeitura notifica os proprietários para murar e construir calçada. Alguma coisa não coordena bem os neurônios dos administratores de Salé...

Certamente quem vem tendo o crânio batido é o povo, esse povo que todo dia acorda com um problema a mais para resolver, problemas sem solução por quem deveria, ao menos, não arrumar mais imbróglios.

Há famílias carentes, quicá até beneficiárias do “Bolsa Família” sendo notificadas para essas construções.
Se a família sequer tem condições de se alimentar sem auxílio de programas sociais como poderá construir muro e calçada? Os insignes prefeito e vice têm noção de quanto custa o dia/pedreiro? De quanto se gastaria em blocos cimento e etc.?

Muitos imóveis estão sendo alvo de ações civis públicas devido à clandestinidade de seu parcelamento ou construção, onde o Ministério Público requer até a demolição dos prédios. Então, prezados leitores:

1) A prefeitura pode notificar para construção de muro e calçada imóveis advindos de parcelamento ilegal ou construção sem a devida aprovação?

2) Se muros não existem, devem ser eles construídos para depois serem demolidos?

3) Se o munícipe for multado por não construir muro e calçada (já que não pode sequer pagar a multa), caberá ao Município construir ao menos a calçada e cobrar o valor no Iptu do proprietário?

4) Se o detentor do "lote" não pagar as despesas de construção seria acionado e leiloado seu imóvel para cobrir os gastos?

Essa Lei é justa? Quando o vice botava a bunda na cadeira da Câmara apresentou a famosa lei das sacolinhas, lembram-se? Pelo jeito, ele não se emendou e agora faz ouvidos moucos ao incentivar essa coação administrativa.

O Alcaide disse, recentemente, que seriam feitas novas obras de revitalização (ô nome chique para uma furreca obrazinha de reforma!)  do piso padronizado das ruas centrais.
Traduzindo, quer dizer que para uma obra de “embelezamento” do centro vem dinheiro do DADE, mas, para "revitalizar" o Fartura, a “Administração” quer pôr no furico largo dos próprios moradores?

Agora entendi: “Enquanto uns vêem as calçadas e os muros, o povo só vê as barreiras”.
...................................
E, por ora, não se ouviu um pio de vereador a respeito. Aliás, corujas devem estar se resfetelando em muita palha que deve haver lá na Casa de Leis, ou a Casa do Povo, como pomposa e demagogicamente é denominado aquilo... 

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Izarzinho quer dar tempo a deputado pivô de maracutaia...

O ainda deputado petista André Vargas não renunciou ao mandato nesta terça, conforme havia prometido, porque apareceu uma questão proposta pelo deputado Ricardo Izar (PSD-SP), presidente do Conselho de Ética. Uma questão ociosa e, em boa medida, absurda.

Ricardo Izar
O parágrafo 4º do Artigo 55 da Constituição, aprovado por emenda em 1994, determina que a renúncia de um parlamentar não tem validade depois de iniciado o processo no Conselho de Ética. Ele terá de prosseguir até a sua conclusão.

O que se pretendeu com isso em 1994? Impedir o parlamentar enroscado em alguma falcatrua de esperar até a undécima hora e, certo de que seria cassado, renunciar para tentar voltar na eleição seguinte.

Ora, Izarzinho, tome tento! Com a lei da ficha limpa esse dispositivo perdeu sentido. Vejamos o caso do ainda deputado André: assim que renunciar, estará inelegível por oito anos a partir de 2015. Se continuar na Casa e for cassado, estará inelegível pelos mesmos oito anos.

Izarzinho afirmou que pretende levar adiante o processo no Conselho de Ética mesmo que o deputado André renuncie. Para isso, encaminhou solicitação para a decisão do presidente da Casa, Henrique Eduardo Alves (PMDB).
Ô, Izarzinho, ´tas querendo ressuscitar Inês, né? Se não há deputado, não pode haver processo. E, quanto a querer que o Conselho de Ética faça a devida investigação, sinceramente, a Polícia Federal tem tudo para fazê-la e de forma mais correta e imparcial.

Putz, Izarzinho, cuide de sua reeleição e deixe de dar azo ao truque da emenda. Ela pode se sair pior que o soneto. Cuidado com a malandragem, Izarzinho...

Minuta da Lei Específica é aprovada pelo Conselho Estadual de Recursos Hídricos

A Minuta de Anteprojeto de Lei Específica da Área de Proteção e Recuperação dos Mananciais do Alto Tietê Cabeceiras – APRM-ATC, foi aprovada ontem pelo Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CRH), órgão da Secretaria de Estado de Saneamento e Recursos Hídricos, na reunião extraordinária que aconteceu no Palácio dos Bandeirantes.

Este é o segundo passo importante para o andamento do projeto no âmbito do Executivo até que o governador Geraldo Alckmin encaminhe a minuta para Assembléia Legislativa.
Antes de ser encaminhado ao CRH, o documento deveria ter passado pelo Conselho de Desenvolvimento Metropolitano, composto pelos 39 prefeitos da região da Grande São Paulo para deferimento, no entanto, como não houve a reunião, os prefeitos assinaram uma carta “ad referendum”, o que foi suficiente para o texto ser apreciado pelo CRH.
Na próxima reunião do Conselho de Desenvolvimento Metropolitano, o texto será votado.

No dia 28 de janeiro deste ano a minuta passou pela sua primeira vitória, com a aprovação dos membros do Conselho Estadual de Meio Ambiente – Consema, órgão da Secretaria de Estado do Meio Ambiente.

Agora a Minuta irá para a consultoria jurídica da Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos, a qual analisará texto, que, posteriormente, será encaminhada para assessoria técnica legislativa da Secretaria da Casa Civil, último passo para que o governador Geraldo Alckmin envie o projeto para a Assembléia.

O deputado Luiz Carlos Gondim participou da reunião extraordinária do CRH, que foi aberta pelo novo secretário de Saneamento e Recursos Hídricos, Mauro Arce. O prefeito de Salesópolis, Benedito Rafael da Silva, foi empossado como novo conselheiro do CRH, representando a região do Alto Tietê.

Gondim comemorou a aprovação da Minuta pelo Conselho Estadual de Recursos Hídricos. “É mais uma batalha vencida. Agora, o texto segue para ser encaminhado para ALESP, onde faremos gestão para que sua tramitação seja feita o mais rápida possível”, ressaltou.

Para o parlamentar, a minuta como foi aprovada vai suprir a deficiência da legislação em vigor (de 1976) e beneficiará diretamente os municípios de Salesópolis, Biritiba Mirim, Santa Isabel e Mogi das Cruzes.
Esta nova legislação propiciará a regularização dos parcelamentos dos loteamentos existentes, porque em Salesópolis, por exemplo, centenas já foram autuadas pela Polícia Ambiental e foram movidas ações pelo Ministério Público.

Além disso, as Prefeituras poderão emitir os alvarás de construção residencial e comercial sem a necessidade de pedir o licenciamento da Cetesb para empreendimentos de pequeno impacto e, ainda, será possível a organização e ordenamento de novas áreas, principalmente para implantações habitacionais como por exemplo, programa “Minha Casa, Minha Vida”, do Governo Federal.

“Os municípios do Alto Tietê, mais precisamente Salesópolis e Biritiba Mirim, serão beneficiadas pela Lei Específica vai viabilizar, inclusive, receber recursos por meio da cobrança pelo uso da água”, destacou Luiz Carlos Gondim.

segunda-feira, 14 de abril de 2014

domingo, 13 de abril de 2014

Curiosas curiosidades...

Se você ficar gritando por 8 anos, 7 meses e cinco dias, terá produzido energia sonora suficiente para aquecer uma xícara de café.
(Não parece valer a pena..)

Se você peidar constantemente durante 6 anos e 9 meses, terá produzido gás suficiente para criar a energia de uma bomba atômica.
(Agora sim!)

O coração humano produz pressão suficiente para jorrar o sangue para fora do corpo a uma distância de 10 metros .
(Uau!)

O orgasmo de um porco dura 30 minutos.
(Porque a natureza foi tão generosa logo com o porco?)

Uma barata pode sobreviver 9 dias sem sua cabeça até morrer
(Ainda não consegui esquecer o porco, que inveja!!!)

Bater a sua cabeça contra a parede continuamente é um gasto médio de 150 calorias por hora.
(Não tente isso em casa; talvez no trabalho!)

O louva-a-deus macho não pode copular enquanto sua cabeça estiver conectada ao corpo… A fêmea inicia o ato sexual arrancando-lhe a cabeça.
(Taí a origem do ditado: “Por uma boa … perde-se a cabeça!”)

A pulga pode pular até 350 vezes o comprimento do próprio corpo. É como se um homem pulasse a distância de um campo de futebol.
(Trinta minutos… que porco f.d.p.! Dá pra imaginar? Por que não eu?)

Alguns leões se acasalam até 50 vezes em um dia.
(Porco f.d.p.! qualidade é melhor que quantidade!)

As borboletas sentem o gosto com os pés.
(Taí, isso eu sempre quis saber)

O músculo mais forte do corpo é a língua.
(Hummmmmmm…)

Pessoas destras vivem em média 9 anos mais do que as canhotas.
(E se a pessoa for ambidestra?)

Os elefantes são os únicos animais que não conseguem pular.
(E é melhor que seja assim!)

A urina dos gatos brilha quando exposta à luz negra.
(E alguém foi pago para descobrir isso?)

O olho de um avestruz é maior do que o seu cérebro.
(Conheço muita gente assim)

As estrelas-do-mar não têm cérebros.
(Conheço muita gente assim também!!!)

Os ursos polares são canhotos..
(Se eles começarem a usar o outro lado, viverão mais)

Seres humanos e golfinhos são as únicas espécies que fazem sexo por prazer.
(E aquele puto daquele porco? Não sai da minha cabeça!)

Agora, fale a verdade: você conseguiu esquecer o porco?

sexta-feira, 11 de abril de 2014

quarta-feira, 9 de abril de 2014

Com quem andas...

Este é o Padilha;
O Alexandre, "o pequeno";
O Padilha que sucateou a Saúde Pública;
Ele é candidato petista ao Governo de São Paulo;
Ele pede voto para um candidato taxado de corrupto;
Ao Padilha aplica-se o proverbial: "Dize-me com quem andas e dir-te-ei quem és"...

VOTE NELES...